Revista Sucesso

Atualizado em 26/04/2018

Qualidade de vida

Resiliência emocional, você sabe o que é?

 Quanto você se adapta às situações e consegue levar a vida de maneira leve

Da redação

“Resiliência emocional é a nossa capacidade de lidar com problemas da vida, com os perrengues do dia a dia, e de resistir às mudanças e às diferentes pressões que a vida nos traz”, diz Camilla Couto, orientadora emocional para mulheres, com foco em relacionamentos. Segundo ela, nas relações, a resiliência pode ajudar a compreender melhor o outro, a aceitar as ações e reações alheias, e a ter mais segurança para impor limites e se colocar de forma verdadeira e integral.

Mas o que realmente significa resiliência, você sabe? Do latim “resilire”, essa palavra significa algo como “voltar atrás”. Na física, indica o estado que determinados objetos têm de voltar ao seu estado original mesmo depois de terem sofrido um choque ou mudança, como acontece com a borracha, por exemplo – você empurra e ela volta ao formato original. Isso é resiliência. Há materiais mais ou menos resilientes. Assim como há pessoas igualmente mais ou menos resistentes e maleáveis. E isso tem relação direta com as nossas emoções.

Camilla enfatiza: “enfrentar e superar as adversidades da vida demonstra maturidade emocional. Quantas vezes já nos desesperamos perante a uma situação complicada ou estressante? Ser resiliente não nos blinda de situações assim, mas faz com não deixemos que o desespero tome conta de nós”. Para ela, repensar a forma como lidamos com as adversidades é importante para entendermos qual nosso grau de resiliência: “o fato de haver pessoas naturalmente mais resilientes não quer dizer que não podemos exercitar e aumentar a nossa capacidade de sermos mais flexíveis e maleáveis perante o fluxo da vida”. Para ela, as experiências que vivemos e a nossa disposição em trabalhar nosso lado emocional são as chaves para aumentar essa capacidade de conviver com o inusitado e com as mudanças constantes da vida.

Camilla enfatiza: “trabalhar a resiliência emocional parte do princípio de entender suas próprias motivações e sua história, ser grata pelas experiências vividas e aprender a deixar ir aquilo que já não serve mais”. Ser resiliente, no fundo, é se desvencilhar do medo. O que você está fazendo neste momento para compreender e conviver melhor com suas emoções?

 Fonte: Amarildas

Resiliência emocional, emoção, editora sucesso, sucesso londrina, revista sucesso, revista bem-estar
Mais lidas
  1. Soluções inteligentes e funcionalidade
  2. Educação Infantil: um mundo de descobertas
  3. Cuidar das articulações garante vitalidade
  4. Ouvir bem é vida
  5. Disfunção eréctil: será que vou ter?
Leia também
  1. A perigosa relação entre depressão e as...
  2. Cuidados com seu pet no verão!
  3. Os benefícios da fisioterapia para pacientes...
  4. Cuidados dermatológicos para pacientes com...
  5. Novembro Azul: 8 mitos e verdades sobre o câncer...